Total de visualizações de página

domingo, 24 de julho de 2011

Cartão pré-pago é opção para fugir de alta de imposto; compare opções

 
Economia aquecida e dólar barato. Este cenário, que vem se arrastando desde o ano passado, fez disparar os gastos dos brasileiros no exterior. Nunca se gastou tanto lá fora.

IMPOSTOS DAS COMPRAS NO EXTERIOR

Modalidade de compraIOFQuando é cobrado
Para tentar diminuir esses gastos, o governo aumentou a alíquota do IOF (Imposto Sobre Operações Financeiras) de 2,38% para 6,38% para quem fizer compras no exterior com cartão de crédito.
Ou seja, comprar com o cartão de crédito fora do país ficou mais caro.

Alternativa

Uma alternativa para fugir desse aumento de impostos é a utilização dos cartões pré-pagos. Neles, o consumidor paga 0,38% de IOF na hora de adquirir ou recarregar o cartão.
Em uma compra de R$ 500, por exemplo, o IOF cobrado no cartão de crédito é de R$ 31,90. No pré-pago, é de R$ 1,90.
Esse tipo de cartão pode ser utilizado em estabelecimentos comerciais no exterior de forma semelhante a um cartão de débito no Brasil.
Também é possível realizar saques (neste caso há uma tarifa extra) em caixas eletrônicos recebendo na moeda do país onde a pessoa está.
Alguns cartões pré-pagos também permitem realizar compras em sites no exterior.

Desvantagens

Uma das desvantagens do pré-pago é que, diferentemente do de crédito, ele não permite parcelar a compra.
Os cartões de crédito também possibilitam participar de programas de milhagem, já os pré-pagos não.

Nenhum comentário:

Postar um comentário