Total de visualizações de página

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Segunda-feira, 27 de junho de 2011 - 20h41       Última atualização, 27/06/2011 - 21h06 Fórmula Truck chega a São Paulo neste domingo

No próximo domingo acontece no autódromo de Interlagos, em São Paulo, a quinta etapa do ano da Fórmula Truck, a segunda válida pelo Campeonato Sul-Americano. A corrida em Interlagos acontece às 14h, com transmissão ao vivo da Band.

A categoria desembarca na capital paulista com Felipe Giaffone, da RM Competições, na liderança. O piloto da Volkswagen venceu a primeira de suas 12 conquistas na categoria justamente na etapa de São Paulo, em 2007.

Vista como a etapa mais importante do calendário da Truck, a corrida de Interlagos tem uma média de público de 50 mil pessoas e em 2010 gerou para o turismo da cidade cerca de R$ 12 milhões. O circuito José Carlos Pace recebe a Truck desde 1996.

Maior vencedor, o paulista Roberval Andrade espera seguir no embalo do Corinthians para obter a sua quinta vitória em Interlagos. O atual campeão corre com o caminhão Scania com as cores do Timão.

Categoria chega a São Paulo neste final de semana

No próximo domingo (03) acontece no autódromo de Interlagos, em São Paulo, a quinta etapa do ano da Fórmula Truck, a segunda válida pelo Campeonato Sul-Americano. Assim como foi em Santa Cruz do Sul (RS) e como será em Buenos Aires (Argentina), a etapa de São Paulo é válida pelo Campeonato Sul-Americano, e as outras sete são válidas pelo Brasileiro.

A categoria desembarca na capital paulista com Felipe Giaffone, da RM Competições, na liderança do Sul-Americano, e que venceu a primeira de suas 12 conquistas na categoria justamente na etapa de São Paulo em 2007.

A etapa de São Paulo é vista como a mais importante do calendário da Truck, com média de público de 50 mil pessoas. Com base na última etapa de São Paulo, em 2010, o Observatório de Turismo da Cidade de São Paulo publicou que o Fórmula Truck gerou para o turismo da cidade cerca de R$ 12 Milhões.

No circuito José Carlos Pace, em Interlagos, a Truck corre desde 1996 e o maior vencedor no autodromo é o paulista Roberval Andrade, atual campeão, e que hoje defende as cores do Corinthians na categoria. Andrade venceu em 2004, 2006, 2009 e 2010. O piloto corintiano também conquistou 4 pole-positions em Interlagos.

Os caminhões com cerca de 1000 cavalos de potência são distribuídos em seis montadoras, que tem envolvimento direto nas equipes: Iveco, Mercedes-Benz, Ford, Volskwagen, Volvo e Scania. A etapa de São Paulo acontece neste domingo (3) às 14h, com transmissão ao vivo da Band.

Bandsports exibe o programa Truck Show

Nesta sexta-feira o canal Bandsports exibe o Truck Show inédito, às 21h30. O programa oficial da Fórmula Truck traz, hoje, a apresentação da próxima etapa da categoria, que acontece em São Paulo, dia 3 de Julho. Conversamos com o vencedor do ano passado, Roberval Andrade. Ele conta como está sua preparação e seu caminhão.

O telespectador vai conferir uma entrevista com a presidenta da Truck, Neusa Navarro Félix, sobre a “maior” etapa do ano e as novidades para esta corrida, como a exposição de Trucks e carros antigos para os fãs da categoria.

A repórter Rubia Corrêa fez uma matéria sobre o papel das modelos d Fórmula Truck. Conheça as funções e o papel delas a cada etapa. Confira também uma reportagem especial com o piloto Pedro Muffato. Ele conta histórias de sua carreira ligadas ao Autódromo de Interlagos.

Quem comanda o programa é Téo José, a edição de imagens é de Roberto Silva e as reportagens de Luiz Silvério, Vytor Zeidan e Rubia Corrêa.

Preço do etanol cai ainda mais em SP

Aos poucos o etanol volta a ser vantajoso em relação à gasolina na cidade de São Paulo. Isso porque, em março, o litro do combustível derivado da cana-de-açúcar ultrapassou a barreira de R$ 2,15 nos postos da capital. Agora, graças à pequena retração de 0,68% ante o valor médio cobrado em maio, o litro do álcool hidratado custa, na média, R$ 1,72.
O combustível já é vendido a R$ 1,47 em posto da zona sul da cidade. Mas é também na região sul de São Paulo onde o consumidor encontrará o litro de álcool mais caro da capital paulistana, num estabelecimento do Jardim das Acacias, onde cada litro custa R$ 2,10.
Segundo o Índice de Preços Ticket Car (IPTC) da primeira quinzena de junho, a gasolina segue linha contrária. Após uma queda de 4,03% em maio, o combustível sobe 0,92%, com preços médios de R$ 2,71 por litro.
Para os proprietários de veículo flex, a dica é fazer uma conta simples na hora de abastecer. “Divida o preço do etanol pelo da gasolina. Resultados inferiores ou até 70% dão vantagem para o combustível vegetal, mais que isso o derivado do petróleo é a melhor opção”, explica Eduardo Lopes, coordenador de Produto do Ticket Car.

Etanol é mais vantajoso que a gasolina em 16 Estados do país

Nos demais Estados e no Distrito Federal, a gasolina ainda é mais vantajosa.

O etanol voltou a ser mais vantajoso na maior parte dos Estados brasileiros durante a primeira quinzena de junho, segundo o IPTC (Índice de Preços Ticket Car).

O combustível é mais econômico do que a gasolina em 16 dos 26 Estados do Brasil.

Nos demais Estados e no Distrito Federal, a gasolina ainda é mais vantajosa.

"Para saber qual opção é mais econômica, divida o preço do etanol pelo da gasolina. Resultados de até 0,7 significam rendimento melhor do etanol", diz Eduardo Lopes, do Ticket Car.

O preço médio do etanol no país é de R$ 2,771, enquanto o da gasolina é R$ 1,898, de acordo com o mesmo levantamento.

Na cidade de São Paulo, houve retração de 0,68% no valor médio cobrado por litro de etanol, na comparação com o final do mês de maio.

ANTT libera reajuste de ônibus interestadual e internacional

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) autorizou, por meio da resolução publicada no Diário Oficial da União, reajuste de 4,639% na tarifa do transporte interestadual e internacional de passageiros de até 75 km de distância. A mudança passará a valer a partir de 31 de julho, segundo informações da instituição, divulgadas nesta segunda-feira. 

O preço fica sujeito a arredondamento com o objetivo de facilitar o troco. O acréscimo de um ano é compensado no reajuste do ano seguinte.

Ao valor da passagem devem ainda ser adicionados, quando for o caso: a tarifa de embarque específica do terminal, o ICMS estadual incidente sobre a tarifa e o rateio do pedágio, por passageiro. 

O valor do bilhete é composto em um cálculo que leva em conta combustível usado, lubrificantes, material de rodagem, pessoal, peças, veículos e despesas gerais. Os itens são reajustados de acordo com índices de inflação setoriais. 

Este reajuste não se aplica ao serviço rodoviário interestadual e internacional com mais de 75 km.

SERFINCO: CARTÃO DE CRÉDITO SULAMÉRICA CREDICARD OFERECE NOV...

SERFINCO: CARTÃO DE CRÉDITO SULAMÉRICA CREDICARD OFERECE NOV...: "portal Segs 26/06/2011 - Manuella Gambaro A SulAmérica Seguros e Previdência coloca a disposição dos clientes mais uma forma de pagamento ..."

F Truck 2011 em Interlagos

A presidente da Fórmula Truck fala da reta final para a realização da etapa de São Paulo. Confira!