Total de visualizações de página

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

30 Dicas Super Práticas Para Aumentar a Produtividade ~ Blog do Cabra

30 Dicas Super Práticas Para Aumentar a Produtividade ~ Blog do Cabra

Brasil ocupa 7º lugar em ranking de fraudes com cartões, diz pesquisa

Brasil ocupa 7º lugar em ranking de fraudes com cartões, diz pesquisa
Brasileiro é o menos satisfeito em relação ao tratamento recebido por suas instituições, após experiências com fraudes

Por Gladys Ferraz Magalhães |15h20 | 23-11-2012
SÃO PAULO – No Brasil, 33% dos consumidores já sofreram algum tipo de fraude envolvendo cartões, o que dá ao país a 7ª colocação em ranking de fraudes desta categoria, segundo revelam dados divulgados pela ACI Worldwide.
De acordo com o levantamento, que avaliou o comportamento de consumidores em 17 países, no geral, um em cada quatro usuários de cartões de crédito, débito ou pré-pagos, já tiveram alguma experiência com fraude. México e Estados Unidos lideram o ranking, enquanto a Suécia é o país com o menor percentual de pessoas que já foram vítimas de fraudes, conforme é possível observar na tabela a seguir:

No geral, um em cada quatro usuários de cartão, já tiveram alguma experiência com fraude
País Fraude
Fonte: ACI Worldwide
México
44%
Estados Unidos
42%
Índia 37%
Emirados Árabes Unidos
36%
China
36%
Reino Unido 34%
Brasil 33%
Austrália 31%
Singapura 26%
África do Sul 25%
Canadá 25%
Itália 24%
França 20%
Indonésia 18%
Alemanha 13%
Holanda 12%
Suécia 12%
Categoria
Considerando apenas as taxas de fraudes no cartão de crédito, o Brasil aparece em 5º lugar, com 30% dos entrevistados dizendo que já passaram por tal experiência. Quando o assunto são os cartões pré-pagos, o País ocupa a mesma posição, com 7% dos pesquisados relatando que sofreram fraudes neste canal. Já os problemas no cartão de débito, colocaram o Brasil em 6º lugar na lista específica.
“O maior risco do mercado brasileiro hoje está associado com o que chamamos de cartão não presente, ou seja, transações feitas via internet banking ou comércio eletrônico, ou uma transação que você inicia, por exemplo, por telefone e que não necessita o uso do cartão físico, propriamente dito (…) Temos que ter em mente que a maioria da população brasileira foi recentemente bancarizada e até pouco tempo ainda tinha o dinheiro e o cheque como primeiras opções para realizar suas transações. Por isso, ainda é tão comum as pessoas estarem menos atentas e serem vítimas de fraudes comuns com cartões”, diz o country manager da ACI Worldwide no Brasil, Hugo Costa.
Satisfação
Sobre a satisfação dos brasileiros em relação ao tratamento recebido por suas instituições, após experiências com fraudes, a pesquisa revela que os usuários do Brasil, considerando todos os países, sãos os menos satisfeitos, com 56% declarando que estão “um pouco” ou “muito insatisfeitos”.
Além disso, 61% das vítimas de fraude por aqui passaram a usar dinheiro ou uma forma alternativa de pagamento no lugar dos cartões.

Telefônica e MasterCard anunciam pagamento via celular no Brasil a partir de 2013

Telefônica e MasterCard anunciam pagamento via celular no Brasil a partir de 2013
Grupo informou que o foco do produto é o público das classes C e D que não possui conta bancária

Por Welington Vital |17h26 | 28-11-2012
SÃO PAULO – O Grupo Telefônica e a MasterCard Internacional apresentaram, nesta quarta-feira (28), a MFS, empresa que atuará na implementação dos meios de pagamentos utilizando telefonia móvel no Brasil.
Segundo o presidente da MFS Serviços, Marcos Etchegoyen, o objetivo desta nova plataforma de pagamento é proporcionar a inclusão financeira para os públicos da classe C e D que não possuem contas bancárias.

Telefônica lança pagamento móvel no Brasil (Getty Images)
O produto usa a tecnologia USSD (Unstructured Supplementary Service Data) e é compatível com qualquer aparelho GSM. O serviço estará disponível no Brasil a partir de abril de 2013.
Como funciona o serviço
Para ter acesso ao serviço é preciso ser cliente Vivo e realizar o cadastro em uma das lojas da operadora. Após realizar o cadastro, o cliente receberá um número USSD e um cartão pré-pago.
Em seguida é só realizar a recarga em uma loja da Vivo ou qualquer outro estabelecimento conveniado (supermercados, bancas de jornal entre outros) e utilizar os serviços. Com o celular os clientes poderão realizar recargas telefônicas e transferências para contas de outros usuários cadastrados. Todas as transações são realizadas com o uso de senhas cadastradas pelos clientes.
Com o cartão pré-pago os clientes poderão realizar pagamentos das compras em todos os estabelecimentos conveniados com a MasterCad, além de realizar saques em terminais que possuam a bandeira Cirrus e consultar os saldos das contas pré-pagas.
De acordo com Etchegoyen, ainda não foram definidos os valores das tarifas que serão cobradas nas transações. As mensagens SMS enviadas para realizar as transações não terá custo para os clientes.
Pagamento móvel
Serviços similares, também por meio de parceria da operadora e da MasterCard, já estão disponíveis na Argentina e no Peru. Já as transações financeiras pela tecnologia USSD são feitas hoje em larga escala em países da África e nas Filipinas.
A expectativa da MFS é de que até o final de 2013, cerca de 500 mil operações sejam realizadas por mês.
A MFS ainda ressaltou que não é uma financeira, mas uma empresa de soluções financeiras.
“Vamos oferecer conveniência, simplicidade e vantagens para os clientes que aderirem esse novo método de pagamento”, ressaltou o presidente da MFS.
Imprimir Envie
Notícias relacionadas
Brasil ocupa 7º lugar em ranking de fraudes com cartões, diz pesquisa
Despesas com cartões no exterior têm alta mensal de 28% em outubro
Cartão da Caixa oferece 12% de desconto em hotéis do exterior